Molho Mornay




O Molho Mornay descende do molho Béchamel e surgiu, pela primeira vez, num restaurante parisiense do séc. XIX, Le Grand Vefour nas arcadas do Palais-Royal, onde foi apresentado pelo marquês de Mornay e seu irmão, o conde Charles.
Na verdade, a maior diferença entre este molho e o Béchamel, é o facto de este levar queijo picado ou ralado para a sua confecção. Normalmente, consiste de metade gruyère e metade do queijo parmesão, apesar de, em algumas variações, ser usado diferentes combinações de Gruyère, queijo emental, ou queijo cheddar branco.
Este molho é muitas vezes servido com frutos do mar, peixe, aves ou vegetais, mas é em gratinados e massas que é mais utilizado.



1 colher de sopa de margarina/manteiga
1 colher de sopa de farinha de trigo
1/2 L de leite quente
60 a 125 g de queijo gruyère ralado (ou outro tipo)
Sal e Pimenta q.b.
Noz-moscada q.b.


Derreta a manteiga numa panela de tamanho médio e em lume brando. Acrescente a farinha e misture bem. Acrescente o leite, aos poucos, misturando sem parar, a fim de que os ingredientes se fundirem. Por fim, acrescente o queijo e os temperos, mexendo sempre até engrossar. Deixe arrefecer um pouco, volte a mexer e está pronto a usar.