Sumo de Maracujá Roxo

 
 
 
 
 
 
O maracujá roxo (Passiflora edulis) também chamado de fruto da paixão devido aos missionários jesuítas do século XVI, que viram na sua flor as marcas da paixão de Cristo.
Este tipo de maracujá é originário do Brasil, que já era cultivado pelos Aztecas e também pelos indígenas que elaboravam refrescos e bebidas com o fruto. 
Em 1629 chegou à Europa graças aos missionários jesuítas espanhóis. 
O fruto é redondo e pequeno com casca dura, rugosa, de cor púrpura uniforme e polpa amarelada clara com grainhas. O seu sabor é doce e levemente ácido, óptimo para ser consumido in natura.




3 colheres de sopa de polpa de maracujá roxo
250ml de água fresca
1 colher de sopa (rasa) de açúcar (ou a gosto)


Num recipiente alto e estreito (copo medidor, por exemplo) coloque a água e a polpa de maracujá,e mexa bem com uma vara de arames para que as sementes se desgrudem da polpa. Quando isto acontecer, passe o sumo obtido por um passador e coloque açúcar a gosto. Mexa bem e leve ao frigorifico até se encontrar fresco e sirva.