Estrelas de Natal com Doce de Ovo
















200 g de manteiga com sal (usei da marca Terra Nostra)
300 g de farinha
250g de açúcar mascavado claro (usei da marca Sidul)
2 ovos grandes
1 colher de sobremesa de essência de baunilha
1 colher de chá de fermento
1 pitada de sal (usei a flor de sal Marnoto)
1 gema
Açúcar branco q.b. 


Forre um tabuleiro com papel vegetal untado com margarina e polvilhado com farinha. Reserve.
Junte a farinha, o fermento e o sal, misture e reserve.
Bata o açúcar com a manteiga amolecida em temperatura ambiente até obter um creme bem fofo. Adicione os os ovos, um a um e junte o extracto, batendo entre cada adição. Adicione a mistura de farinha, gradualmente e batendo devagar. Amasse mais um pouco usando as mãos até obter uma massa que não grude demasiado ás mãos e, para isso, poderá ser necessário juntar mais um pouco de farinha (não coloque muita farinha pois a massa não deve ser seca, ela deve grudar um pouco).
Divida a massa em duas partes iguais, e estenda cada uma delas até obter uma altura de 0.5cm. Envolva casa a massa estendida com película aderente e leve ao frigorífico até endurecer o suficiente para poder usar cortadores de massa em forma de strela (cerca de 30-60 minutos).
Pré-aqueça o forno a 175ºC.
Em seguida, coloque-as nos tabuleiro com 2-3 cm de espaço entre si. Bata bem a gema de ovo (não use a clara pois ficará muito líquido e a cor não será a pretendida) e pincele a superfície das estrelas com ela. Por fim, polvilhe, generosamente, com açúcar (cerca de 50-70g de açúcar para polvilhar todas as bolachas).
Leve ao forno pré-aquecido durante 10-15 minutos, ou até dourarem. Deixe arrefecer e guarde-as num frasco hermeticamente fechado.


Para acompanhar esta sobremesa, recomendo:


Porto Lágrima
Ramos Pinto


Uvas provenientes de zonas onde atingem elevado grau de maturação e sujeitas a uma forte maceração pelicular, segundo a antiga tradição do Vinho do Porto.

Notas de Prova:
Cor predominantemente ouro.
Dentro do seu fruto e doçura característicos, sobressaem aromas de tipo floral: camomila e flor de laranjeira, com toques de mel.
Paladar adamado, glicerinado, com fruta madura, envolvida por uma intensidade fresca. Final de boca de sabor gordo e persistente, com um agradável toque de mel.








Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação desta sobremesa.

O meu muito obrigada à Terra Nostra, Sidul, Necton e Ramos Pinto pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.