Bolinhos de Amêndoa Algarvios






















250 g de amêndoas
1 clara
75 g  de açúcar (usei o açúcar mascavado de cana da Sovex)
1 gema batida


Aqueça o forno a 180ºC e prepare um tabuleiro forrando-o com papel vegetal.
Leve as amêndoas a um processador de alimentos de modo a reduzi-las a farinha. Junte-lhes o açúcar e pulverize por mais 1-2 minutos.
Junte a clara à mistura anterior, amassando até obter uma massa maleável e moldável (se necessário, junte mais um pouco de clara).
Com uma colher de sobremesa, retire porções de massa e forme bolinhas do tamanho de nozes. Disponha-as no tabuleiro, espaçadas, e achatando-as ligeiramente. Pincele a superfície de cada uma das bolinhas com a gema batida e leve ao forno, cerca de, 10-12 minutos, sendo que, ao retira-las do forno, estas ainda estarão moles. Deixe arrefecer no tabuleiro por 5 minutos e, depois, sobre uma grelha.
Guarde em frascos hermeticamente fechados.

Nota: Rende cerca de 35 bolinhos.



Para acompanhar estes bolinhos, recomendo:


Porto Tawny
Ramos Pinto


O Tawny é um blend de 3 a 5 anos obtido por lotação de vinhos com um grau de maturação variável, conduzido através de envelhecimento em cascos e tonéis. Envelhecido em pipas, apresenta-se sempre mais evoluido do que o Ruby.

Notas de Prova:
Cor vermelha tawny, com menisco cor de topázio.
No aroma, a primeira impressão é de leveza, evoluindo para uma grande suavidade adquirida pelo estágio em madeira.
A sensação na boca é leve, quente e de grande macieza, resultado do seu envelhecimento.

Este “adolescente” é um Porto maduro e frutado com um carácter complexo e delicado. No final, o equilíbrio é perfeito, conferindo-lhe uma saborosa delicadeza.




Aqui estão os produtos fantásticos que utilizei para preparar estes bolinhos.

O meu muito obrigada à SovexRamos Pinto pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.