Salmorejo Cordovês



















500 g de tomate
100 g de miolo de pão
125 g de azeite de qualidade (usei o azeite biológico virgem extra da marca Acushla)
1 dente de alho pequeno
1/2 colher de chá de sal (usei a flor de sal Marnoto)

150 g de presunto (usei o presunto português da marca Nobre)
2 ovos cozidos


Lave bem o tomate, retire-lhe o pedúnculo e parta-o em pedaços para um processador de alimentos. Reduza-os a puré homogéneo e passe por um coador de rede fina mexendo com uma colher para descartar sementes e peles e só aproveitar o sumo de tomate.
Transfira o tomate aproveitado para uma taça e junte-lhe o miolo de pão esfarelado, deixando-o amolecer e absorver o sumo por 10 minutos.
Após este tempo, junte o dente de alho e o sal e passe pelo processador de alimentos para obter um creme espesso e liso. Incorpore o azeite e bata mais um pouco para obter uma sopa muito cremosa e suave.
Por fim, distribua a sopa fria por pequenos pratos ou tigelas e adicione-lhes, ao centro, uma porção de ovo cozido picado e outra de presunto.
Sirva de imediato.






Para acompanhar este prato, recomendo:



Quinta da Lixa Branco 
O tal Vinho da Lixa

Castas: Loureiro, Alvarinho e Trajadura
Região: Vinhos Verdes

O Quinta da Lixa é produzido com algumas das mais nobres castas da região dos vinhos verdes, produzidos e vinificados na região que lhes dá o nome.
Aspecto brilhante e cor citrina. No aroma apresenta um carácter frutado com algumas nuances a frutos tropicais e um caracter floral.
Na boca confirma toda a expectativa criada pela intensidade do aroma, muito equilibrado, este vinho apresenta-se seco com complexidade e persistência.








Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste prato.

O meu muito obrigada à Nobre, AcushlaNecton Quinta da Lixa pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.