Pãezinhos com Chourição
















420g de farinha
12g de fermento de padeiro fresco (usei 6 g de fermento de padeiro seco Fermipan)
100 ml de água morna
25 ml de aguardente (usei a aguardente velha da Caves do Solar de São Domingos)
1 ovo
7 g de sal (usei o sal marinho Marnoto)
1 pitada de açúcar
200 g de chourição fatiado (usei o chourição Nobre Cuida-t + com teor reduzido de sal)



A 50 ml da água morna junte o fermento e uma pitada de açúcar, aguarde que se dissolva, mexa um pouco e verta este preparado para um recipiente maior. Junte-lhe um pouco da farinha indicada e amasse até que fique uma bola que descole das mãos. Coloque num recipiente tapado e deixe levedar durante 1 hora.Após este tempo, adicione à massa levedada, a restante água, os ovos, a aguardente e o sal. Vá amassando aos poucos enquanto acrescenta a restante farinha até que esta se apresente elástica e não cole nos dedos (se tornar-se seca/dura acrescente um pouco mais de água). Continue a amassar muito bem até que a massa descole das mãos e forme uma bola com a mesma.
Torne a tapar a massa com um pano e deixe levedar por, cerca de, 2 horas ou até dobrar de volume.

Quando pronta, divida a massa em 5 bolinhas do mesmo tamanho e estenda cada uma delas com o rolo da massa sobre uma superfície enfarinhada e formando um rectângulo. Distribua o chourição sobre cada tira de massa e enrole-as como se fosse uma torta, selando bem as pontas.
Coloque os pães num tabuleiro de ir ao forno previamente polvilhado com farinha, tape, novamente, com um pano e deixe levedar uma última vez por mais 1 hora.
Por fim, leve os pães ao forno, pré-aquecido a 180º C, e deixe cozer por 30 minutos.



Para acompanhar este pão, recomendo:



São Domingos - Tinto Bairrada D.O.C. 2011
Caves do Solar de São Domingos




Castas: Baga (40%), Touriga-Nacional (30%) e Tinta-Roriz (30%).

Notas de prova:
Aroma focado na fruta de boa qualidade, evidenciando notas elegantes de especiarias e chocolate. Bela presença na boca, com taninos aveludados, revelando requinte e persistência.










Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste pão.

O meu muito obrigada à Nobre, Fermipan, Necton Caves do Solar de São Domingos pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.