Korma de Camarão (Prawn Korma)
















1.2 kg de camarões
1 cebola bem picada
4 c. sopa de manteiga (usei da marca Terra Nostra)
125 ml de iogurte natural
250 ml de água de cozedura do camarão
1 flor de anis
1/4 de colher de chá de pimenta de cayenne
2 c. de açafrão em pó
2 c. chá de gengibre em pó
2 c. chá de alho em pó
2 c. chá de caril (usei o Caril Madras da marca Aromas e Especiarias)
200 ml de creme de coco
200 ml de natas (usei as natas de arroz BIO da Sovex)
4 gemas
2 c. chá de garam masala
Sal q.b. (usei a flor de sal Marnoto)
Folhas de coentros, frescas
Molho de piripiri q.b. (usei da marca Paladin)
Amêndoas laminadas

200 g de arroz basmati (usei o Oriente Arroz do Mundo Basmati)
400 g de água
1 fio de óleo de sésamo (usei o óleo de sésamo torrado da marca Sovex)
Sal q.b.
1 cardamomo verde (usei da marca Aromas e Especiarias)



Comece por cozer os camarões inteiros em água fervente temperada com sal, molho de piripiri e casca de cebola. Após 3 minutos de cozedura, retire os camarões da água, deixe-os arrefecer um pouco, descasque-os e reserve. Esmague cascas e cabeças e torne a adiciona-las ao caldo, que deve deixar ferver por mais 15 minutos. Ao fim deste tempo, coe a água.
Aqueça o óleo de sésamo e adicione-lhe a cebola bem picada, em lume reduzido. Para aumentar o aroma do prato acrescentar 1 flor de anis neste momento, contudo, deve remove-la assim que a cebola fritar e se mostrar translucida.
À parte faça uma pasta com o gengibre, o alho, o caril, o açafrão, a pimenta de cayenne e uma colher de sopa de água. Junte ao preparado anterior e deixe cozinhar durante 2 minutos. 
De seguida, adicione o camarão e um pouco de sal, mexendo bem. Acrescente, também, o creme de coco previamente misturado com as gemas.
Misture as natas com o iogurte e acrescente 250 ml da água de cozedura do camarão, mexa bem e junte tudo ao tacho, envolvendo muito bem. Aumente a chama até que o molho comece a borbulhar e deixe-o ferver por 10 minutos, mexendo ocasionalmente.
Finalmente, acrescente o garam masala, misture bem e deixe cozer por mais 2 minutos, tornando a mexer. Retifique os temperos e cozinhe mais um pouco para o molho espessar ligeiramente.
Enquanto isto, leve a água ao lume temperada com sal a gosto, óleo de sésamo e o cardamomo verde. Quando ferver acrescente o arroz e tape. Mexa ocasionalmente, e deixe cozer, em lume brando, durante, aproximadamente, 10 minutos. 
No momento e servir, acompanhe com o arroz basmati, decore com lâminas de amêndoas e polvilhe com folhas de coentros picadas. 




Para acompanhar este prato, recomendo:

Gouveio

Monsaraz - Alentejo Doc
CARMIM

Casta: Gouveio (100%)

Após a selecção das uvas nas vinhas dos nossos associados, procede-se à vindima manual daquela que será a matéria-prima deste vinho. Chegadas à adega são descarregadas e imediatamente desengaçadas e esmagadas. Após prensagem procedemos a uma clarificação por decantação. A temperatura é então regulada para 16ºC durante a fermentação alcoólica.

Finda a fermentação o vinho passa por um processo de “batonnage” em depósito inox durante alguns meses. Findo o estágio o vinho é cheio no início da Primavera.
Vinho de aspecto cristalino, cor amarela palha com alguns tons esverdeados, aroma de fruta tropical em especial maracujá e manga. Na boca possui bom volume e equilíbrio com excelente frescura e final intenso.



Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste prato.

O meu muito obrigada à Aromas e Especiarias, Novarroz, Terra Nostra, Paladin, Sovex, Necton e Carmim pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.