Formigos da Consoada




















3 carcaças grandes (usei da Panificadora Costa & Ferreira )
250 g de açúcar
250 ml de água
1/2 casca de laranja
1 pau de canela (usei da marca Margão)
Leite q.b. (usei o leite meio-gordo Terra Nostra)
4 gemas
2 c. sopa de vinho do Porto (usei o Porto Reserva da Quinta do Estanho)
200 g de frutos secos (mistura de amêndoas, corintos, nozes e pinhões)


Comece por partir as carcaças em pedaços e adicione-as a um recipiente fundo. Regue-as com um pouco de leite e deixe-as amolecer completamente, esmagando-as, de vez em quando, com o auxilio de um garfo.
Deite num tachinho a água, o açúcar, a casca de laranja (sem a parte branca) , o pau de canela e deixe ferver durante 3 minutos (ou até atingir ponto de pérola). Descarte os sólidos, coe o caldo e leve-o novamente ao lume.
Imediatamente, junte o pão escorrido e envolva muito bem até levantar fervura. Adicione os frutos secos e as gemas sem parar de mexer e até ferver por 3 minutos.
Acrescente o vinho do Porto envolva muito bem e deixe arrefecer.
Distribua o preparado por taças ou pratos fundos e decore a gosto.
Sirva frio.



Para acompanhar estas bolo, recomendo:



Tawnie de Idade
Vinho do Porto 20 Anos - Quinta do Estanho


Vinho do Porto de qualidade superior.
Elaborado a partir de uma combinação de lotes selecionados de vinhos velhos e jovens, cuja média perfaz a idade indicada no rótulo.
Estagia em barris de carvalho velho e avinhado.

Notas de prova:
Aromas terciários complexos a especiarias com notas de vinagrinho.
Boca suave, agradável, persistente e com prolongada permanência.








Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação desta sobremesa.

O meu muito obrigada à Panificadora Costa & Ferreira, Margão, Terra Nostra e Quinta do Estanho pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.