Travesseiros de Maçã e Farinheira

















1.5 farinheiras (usei a farinheira receita tradicional do Sr. Cândido da Nobre)
1 placa de massa folhada rectangular com 300 g
1 fio de azeite de qualidade (usei o azeite Escalabitano virgem extra (que pode adquirir aqui)
4 maçãs reinetas
1 pitada de sal (usei a flor de sal Marnoto)

1 pitada de pimenta branca Margão
Sementes de linhaça claras e escuras
1 ovo batido para pincelar


Comece por retirar a pele ás farinheiras e desfaça-as em pedaços grosseiros.
Descasque as maçãs e corte-as em pequenos cubos.
Aqueça um pouco de azeite numa frigideira e junte-lhe as farinheiras desfeitas, deixando cozinhar, em lume brando, por 2 minutos. Junte a maçã cortada, reservando 1/3 do preparado de maçã no frigorífico para usar mais tarde. Mexa, tempere com um pouco de sal e pimenta, e deixe cozinhar por 2-3 minutos para que a maçã coza e comece a desfazer-se. Envolva para homogeneizar e deixe arrefecer completamente. Quando frio, junte-lhe a maçã que reservou e mexa.
Corte tiras de massa folhada com 10cm de largura, adicione, a cada uma delas, uma boa porção do recheio e dobre a massa de modo a obter um rectângulo semelhante a um embrulho. Dobre as pontas para baixo do folhado e, com cuidado, vire-o, de forma a que as dobras fiquem bem seladas na parte de baixo.
Volte o folhado para cima novamente e faça-lhe pequenos cortes com uma faca, para que saia o vapor, enquanto coze. Pincele com ovo batido e polvilhe com as sementes de linhaça.
Transfira os folhados para um tabuleiro forrado com papel vegetal e leve-os ao forno, pré-aquecido a 220ºC, por 15 minutos.
Sirva-os mornos ou frios.




Para acompanhar este prato, recomendo:



Herdade Penedo Gordo
Quinta das Arcas
Tinto

Denominação: Vinho regional alentejano
Ano: 2014
Castas: Aragonez, Trincadeira, Allicante Bouschet, Touriga Nacional


Visual: Cor granada e concentrada;
Aroma: Aromas intensos e frutados, frutos vermelhos;
Boca: Macio e aveludado. Bem estruturado, os taninos e a acidez estão bem conjugados com a fruta abundante.

Visite a loja online: www.quintadasarcas.com/lojadaquinta/





O meu muito obrigada à Azeite EscalabitanoNobre, Margão, Marnoto e Quinta das Arcas pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.