Galette de Amoras e Mirtilos









350 g de amoras silvestres
150 g de mirtilos
5 c. sopa de açúcar
2 c. sopa de farinha
1 c. chá de sumo de limão

Massa:
140 g de farinha
80 g de manteiga
1/2 c. chá de raspa de limão
1 c. de chá (cheia) de açúcar
1 pitada de sal fino
4 c. sopa de água gelada
Açúcar q.b.


Comece por misturar a farinha com o sal, o açúcar, a raspa de limão e a manteiga, com a ponta dos dedos, até obter uma espécie de farelo. Vá juntando as colheradas de água, aos poucos, e amassando sempre até obter uma massa elástica, maleável e ligeiramente húmida. Forme um círculo com a massa, com 30cm, sobre papel vegetal e leve ao frigorífico por 30 minutos.
Enquanto isto, junte os mirtilos com as amroas e regue com o sumo de limão. Envolva delicadamente e misture também a farinha e o açúcar, misturando bem.


Coloque o recheio de frutas sobre a massa, tendo o cuidado de deixar 5 cm livres na periferia do círculo. Dobre as bordas da tarte sobre o recheio, unindo porções de massa para esta ficar mais justa. Pincele a massa com água e polvilhe tudo com açúcar.
Leve ao forno, pré-aquecido a 180ºC por 50 minutos ou até a massa se encontrar levemente dourada e crocante.




Para acompanhar esta sobremesa, recomendo:

Tawnie de Idade
Vinho do Porto 20 Anos - Quinta do Estanho


Vinho do Porto de qualidade superior.
Elaborado a partir de uma combinação de lotes selecionados de vinhos velhos e jovens, cuja média perfaz a idade indicada no rótulo.
Estagia em barris de carvalho velho e avinhado.

Notas de prova:
Aromas terciários complexos a especiarias com notas de vinagrinho.
Boca suave, agradável, persistente e com prolongada permanência.



Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação desta sobremesa.

O meu muito obrigada à  Quinta do Estanho pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.