Beef Wellington de Natal













1 peça de vazia de vitela com 1.500 kg (usei a carne do Alentejo alimentada a bolota do Solar da Giesteira (compre aqui))
Sal
Mistura de 5 pimentas Margão
2 c. chá de alho em pó Margão
2 dentes de alho
1 c. chá de tomilho fresco biológico Aroma Alentejo (adquirir contatando por aqui)
1 c. chá de estragão fresco biológico Aroma Alentejo (adquirir contatando por aqui)
1 fio de azeite
1 noz de manteiga

1 placa de massa folhada retangular (com 375 g)
350 g de castanhas descascadas
200 g figos secos
3 c. sopa de mostarda Heinz
3 maças vermelhas
3 c. sopa de compota de laranja da pala & espumante da Casa do Vale (compre aqui)
Ovo batido

Arroz de passas festivo:
400 g de arroz aromático Bom Sucesso
1/2 pedaço de cebola
1 noz de manteiga Terra Nostra
50 g de passas douradas
50 g de passas amarelas
50 g de passas escuras
800 g de água
1 pitada de pimenta branca Margão
Flor de sal Marnoto


Comece por eliminar toda a gordura que houver à superfície da vazia e descarte um pedaço da carne de modo a fazer um pedaço de vitela longo e estreito (com 7/8 cm de largura), de modo a parecer um rolo. Tempere a carne com sal (coloque um pouco mais do que é habitual porque o prato será doce), a mistura de 5 pimentas, o alho moído e o estragão e tomilho picados. Regue com um fio de azeite e deixe marinar de um dia para o outro.
Ao fim deste tempo, aqueça a noz de manteiga com um pouco de azeite e os dentes de alho laminados. Quando a gordura estiver bem quente, sele a carne de ambos os lados e até ficar lourinha. Transfira-a para uma superfície limpa e reserve.
Leve as castanhas a cozer em água temperada de sal por 5 minutos, escorra-as e pese 150g, reserve as restantes. Misture as castanhas que pesou com os figos e a compota no processador de alimentos, e processe até obter uma pasta húmida.
Descasque as maçãs e corte-as em pequenos pedaços, corte também as castanhas reservadas em pedaços. 
Barre a carne, de ambos os lados, com a mostarda previamente aquecida e vá cobrindo todo a superfície da vitela com pedaços de castanha e maçã, apertando-os bem. Cubra a fruta com uma camada fina de pasta de figo, de modo a que esta tenha a função de colar as frutas. Use um pedaço de película aderente para fixar a cobertura de frutas e continue a cobrir toda a carne com as maças e castanhas e depois com a pasta de figo. Quando já tiver todo o rolo coberto, embrulhe-o com a massa folhada de modo a ficar todo tapado e reservando o excesso da massa para a decoração. Com a massa que sobrou recorte desenhos a seu gosto e disponha-os na superfície do rolo. Pincele com ovo batido e, de cada um dos lados da decoração que adicionou, forme pequenos cortes na massa (isto servirá para que a massa não rache enquanto assa).
Leve ao forno, previamente aquecido a 200ºC, por 45 minutos ou até a massa estar dourada.
Enquanto isto, derreta a manteiga e junte-lhe a cebola bem picada. Deixe-a amolecer um pouco e acrescente a água e as passas. Deixe ferver, tempere com sal e pimenta e adicione o arroz. Mexa ocasionalmente, tape e deixe cozer, em lume brando, durante, aproximadamente, 10 minutos.
Sirva o beef wellington fatiado e acompanhe com arroz de passas e salada de mistura de folhas verdes.





Para acompanhar este prato, recomendo:


Pontual Reserva
Pontual Wines

Tinto

Denominação: Vinho Regional Alentejano
Ano: 2013
Castas: Alicante Bouschet 80%, Touriga Nacional 10%, Syrah 10%

Cor granada com profundidade, aroma a frutos vermelhos e notas balsâmicas muito elegantes. Na boca persistem frutos vermelhos, acidez bem balanceada com os taninos redondos, terminando fino e elegante.

Aging: 12 meses em barricas de carvalho americano e francês. 




Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste prato.

O meu muito obrigada à Solar da Giesteira, Terra Nostra, Bom SucessoCasa do Vale, Heinz, Margão, Aroma Alentejo, Marnoto e Pontual Wines pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.