Bolos Lêvedos (Açorianos)









280 g de farinha
1 saqueta (4,2g) de fermento de padeiro em pó, superativo, Vahiné
1 pitada de sal
50 g de ovo liquido pasteurizado Dovo (equivalente a 1 ovo M) da Derovo
70 g de açúcar
70 g de manteiga Terra Nostra
200 ml de leite, meio gordo, Terra Nostra
Raspa de 1 limão pequeno



Comece por misturar a farinha com o fermento, o açúcar e o sal. Faça uma cova no meio deste preparado e junte-lhe o ovo batido, a manteiga amolecida (em temperatura ambiente), o leite morno e a raspa de limão. Misture tudo, com as mãos, amassando e sovando a massa muito bem (se for necessário, acrescente um pouco mais de farinha). Quando a massa começar a descolar-se das mãos e apresentar-se fofa, está pronta.Forme uma bola com a massa e deixe levedar, em local aquecido, até dobrar de volume, bem tapada (cerca de 2 horas).
Divida a massa em porções de 100 g (ou medidas aproximadas) e forme bolas com elas. Disponha-as num tabuleiro polvilhado com farinha, tape com panos e deixe levedar por mais 30 minutos.
Achate cada uma das bolas de massa até se parecerem com panquecas e aqueça uma chapa ou frigideira anti-aderente. Polvilhe com farinha e adicione-lhe as panquecas, mantendo o lume no mínimo para não queimar. 
Deixe os bolos lêvedos cozinharem tanto de um lado como do outro, em lume muito brando e até que dourem de ambos os lados.

Notas:
Os bolos lêvedos são um doce tradicional da vila das Furnas, na Ilha de S. Miguel, Açores.
Rende 6 bolos lêvedos.


Para acompanhar esta receita, recomendo:




GINJA D’ ARTE
Frutóbidos

Agradável e reconfortante infusão de Pés e Folhas de Ginja.


Saiba mais:

Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação desta sobremesa.

O meu muito obrigada à Terra Nostra, Vahiné, Derovo e Ginja D'arte/Vila das Rainhas (Frutóbidos) pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.