Tiborna de Bacalhau









1 broa de milho*  Lidl
2 postas de bacalhau crescido Três Velas*  Lidl
200 ml de azeite
9 dentes de alho, picados
50 ml de vinagre (usei o vinagre de tomate do Ribatejo da Paladin)
Salsa fresca. biológica, Aroma Alentejo (adquirir contatando por aqui)
150 g de azeitonas pretas oxidadas Jerónimos
Sal (flor de sal Marnoto)


Demolhe o bacalhau a seu gosto e leve-o a assar, nas brasas. Quando estiver bem assado, lasque-o e retire peles e espinhas.
Corte a superfície da broa em forma de círculo, de modo a que a parte de baixo pareça uma taça (o pedaço que cortará será a tampa). Com uma colhe retire todo o miolo da broa, tendo o cuidado para não perfurar o exterior da mesma.
Esfarele o miolo da broa e coloque-o num recipiente largo, junte-lhe o bacalhau e os alhos bem picados. Envolva bem, tempere com sal e regue com o azeite e o vinagre. Reserve por 20 minutos.
Transfira o preparado para o interior da carcaça da broa. Decore com salsa e sirva a tiborna com a mesma. Acompanhe com azeitonas.



*Estes produtos estão disponíveis no Lidl Portugal.
O bacalhau Três Velas é de origem sustentável, contando com o selo da Marine Stewardship Council (MSC), ou seja, bacalhau sem peso na consciência.



Para acompanhar este prato, recomendo:

Conde Villar Alvarinho
Quinta das Arcas
Branco 

Denominação: Vinho Regional Minho
Ano: 2015
Castas:  Alvarinho

Aspecto: Límpido e cristalino, com leves reflexos palha.
Aroma: Fruta abundante com notas complexas de citrinos onde se destaca a toranja. De salientra ainda o ananás bem integrado no conjunto.
Paladar: Estruta complexa. Volumoso na boca com uma excelente acidez crocante completa o conjunto.
Visite a loja online: www.quintadasarcas.com/lojadaquinta/





Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste prato.

O meu muito obrigada à Lidl, Paladin, Jerónimos, Marnoto, Aroma Alentejo e Quinta das Arcas pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.