Pizza Boneco de Neve











Base de pizza:
5 g de fermento em pó para pão Vahiné
1 pitada de açúcar
200 ml de água
400 g de farinha
60 ml de azeite 
1 c. chá de sal (usei a flor de sal Marnoto )

Molho de tomate italiano:
1 cebola
2 c. sopa de azeite
3 dente de alho picado
400 g de tomate triturado Compal da Horta
1 c. chá de açúcar
1 c. chá de oregãos, biológicos, Bio Aroma Alentejo (adquirir por aqui)
1 c. chá de manjericão, biologico, Bio Aroma Alentejo (adquirir por aqui)
1 folha de louro, biológico, Bio Aroma Alentejo (adquirir por aqui)
Sal
1 pitada de pimenta branca Margão

Guarnição (para 3 pizzas):
400 g de queijo flamengo Lacticínios do Paiva
Azeitonas pretas, descaroçadas
6 fatias de bacon Nobre
250 g de peito de peru original Nobre
1 cenoura
3 paus de espetadas
3 elásticos
1 ramo de tomilho



Base de pizza:
Comece por misturar a farinha com o fermento, a pitada ade açúcar e o sal.
Junte o azeite e a água morna, misture com uma colher. Amasse até obter uma massa homogénea.
A massa estará pronta quando a sua consistência for fofa e elástica (se necessário acrescente um pouco de farinha, mas pouca pois a massa não pode ficar seca). Faça uma bola, tape com um pano e deixe-a dobrar de volume (cerca de 1:30 hora) em lugar abrigado.
Em seguida, divida a massa em 3 partes iguais. A cada uma delas, retire 1/3 de massa e forme bolinhas. Estenda cada uma das parted e massa (tanto as maiores como as mais pequenas) em forma de circulo. Num tabuleiro com farinha, disponha o círculo maior abaixo do círculo menor de massa, juntando-os. Assim, fara a cabeça e corpo do boneco de massa. Execute o mesmo processo para a restante massa e pique as bases de pizza com um garfo.
Leve-as ao forno a 250ºC, ainda sem o recheio, por 6-8 minutos, apenas para dourar ligeiramente e pré-cozer a massa.

Molho de tomate italiano:
Descasque e pique a cebola e o dente de alho. Leve-os a refogar no azeite, junte o tomate em pedaços e deixe ferver em lume brando durante 15 minutos, sem tapar. Tempere com o açúcar (não esqueça de adicionar o açúcar porque é ele que retira a acidez do tomate e torna o molho saboroso), o sal, louro e a pimenta, deixando cozer mais 10 minutos. Junte então as ervas aromáticas e continue a cozer o molho durante mais 10 minutos. Misture então o concentrado de tomate mexendo bem. O molho não deve ficar muito fluido, portanto, se isto acontecer, junte mais um pouco de concentrado de tomate. Estará no ponto quando o molho tornar-se espesso e uniforme. Por fim, retire a folha de louro e passe o molho pela varinha mágica, deixe arrefecer antes de usar para que a base da pizza não amoleça e rompa.

Montagem:
Adicione uma boa porção de molho de tomate a cada uma das bases de pizza, alisando e espalhando-o bem. Cubra com fatias de fiambre e adicione o queijo, picado grosseiramente. Corte azeitonas a meio e use-as para formar a boca (sorriso) e os olhos do boneco de neve, virando a parte cortada para baixo. Com azeitonas em rodelas forme os botões no corpo do boneco de neve, colocando-os na vertical e em linha.
Coloque uma fatia de bacon sobre a junção das duas partes da pizza (pescoço do boneco de neve) e outra fatia descaindo pelo corpo do boneco (de modo a parecer um cachecol).
Por fim, corte um pedaço de cenoura e apare-a até que se semelhe a uma cenoura pequena e coloque entro os olhos e a boca do "boneco de neve", para formar o nariz do mesmo.
Leve ao forno, pré-aquecido a 200ºC, durante 10-15 minutos, aproximadamente, ou até o queijo gratinar e a massa apresentar-se crocante. Execute o mesmo processo para as outras pizzas.
Para decorar o "boneco de neve" pode fazer uma vassoura usando um pau de espetada (ou de sushi) com um raminho de tomilho preso numa das pontas com um elástico.



Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste prato.

O meu muito obrigada à Nobre, Lacticínios do Paiva, Aroma Alentejo, Marnoto pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.