Tarte de Frango com Chouriço e Cogumelos





Massa:
270 g de farinha
75 g de gordura vegetal, gelada
65 g de manteiga, gelada, Lacticínios do Paiva
30 ml de água gelada
1 c. chá, rasa, de sal
2 gemas + 1 ovo para pincelar (usei ovos Matinados CAC, de galinhas ao ar livre)

Recheio:
250 g de frango desfiado (sobras de frango assado, grelhado ou cozido)
1 folha de louro grande, biológico, Aroma Alentejo (adquirir por aqui)
250 ml de caldo de galinha
1 pitada de pimenta
Sal a gosto
1.5 c. sopa de azeite
80 g de chouriça transmontana Bôfumeiro (que pode adquirir clicando aqui)
2 dentes de alho
1 pedaço de cebola
1 lata, pequena, de cogumelos fatiados Compal da Horta

Molho Béchamel:
25 g de manteiga
25 g de farinha
250 ml de leite
1 pitada de noz-moscada
1 pitada de pimenta branca Margão
1 pitada de sal (usei flor de sal Marnoto)


Forma de tarte canelada A Metalúrgica Bakeware Porduction, S. A. (compre aqui)


No processador de alimentos, com a lâmina de cortar de metal: vá adicionando os ingredientes pela ordem indicada e um de cada vez, com exceção do ovo para pincelar. Use a função pulsar, empregando pulsos curtos e rápidos (pressionando e soltando o botão pulsar) até obter uma bola maior, ou bolas menores, todos homogéneos, indicando que os ingredientes foram bem misturados
Junte a bola maior e os pedaços, forme uma só bola, enrole-a em película aderente e deixe descansar 1 hora no frigorífico.

Aqueça o azeite e junte-lhe a cebola e os dentes de alho picados, deixe amolecer e acrescente os cogumelos escorridos, o louro e o chouriço picado. Cozinhe um pouco e adicione o frango desfiado. Tempere com sal, pimenta e refogue por 1 minuto. Regue com o caldo de carne e deixe cozinhar até que todo o molho seja absorvido. Retire a folha de louro e junte o béchamel, que deve preparar derretendo a manteiga e juntando-lhe a farinha, mexa bem. Vá juntando o leite, pouco de cada vez, mexendo sempre com uma vara de arames para que não crie grumos. Continue sempre a mexer até sentir que o molho começa a engrossar. Tempere com sal, pimenta e um pouco de noz moscada e deixe cozinhar mais um pouco.

Divida a massa em duas partes, de tamanho igual, e estenda uma delas num círculo, forrando a forma de tarte com ela e deixando um pouco da massa de fora. Ao outro pedaço de massa, retire 1/4 desta e reserve. Estenda o pedaço maior num círculo de tamanho idêntico ao da forma que vai utilizar. Com a restante massa, faça tiras longas usando uma carretilha ondulada. 
Pique o fundo da tarte com um garfo e adicione-lhe todo o recheio. Cubra com o outro círculo de massa e una, dando beliscões, a periferia de ambas as massas. Adicionando as tiras de massa, decorando a seu gosto, e espete a superfície da massa, em diversos lugares, com um garfo para que saia o vapor. Pincele com ovo batido.
Leve ao forno, previamente aquecido a 220ºC, durante 30 minutos.
Sirva morna ou fria.




Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste prato.

O meu muito obrigada à Bôfumeiro, A Metalúrgica, Compal, Margão, Aroma Alentejo, Ovos CAC, Lacticínios do Paiva, Marnoto pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.