Gnocchi de Batata Doce com Cogumelos Salteados







Gnocchi de Batata Doce:
500 g de batata doce de polpa amarela
1 ovo M (usei ovos Matinados CAC, de galinhas ao ar livre)
30 g de polvilho doce (que pode adquirir na Gloodclicando aqui)
20 g de farinha de milho
1 c. chá de fermento quimico Vahiné
Sal (usei a flor de sal Marnoto)
1 pitada de pimenta branca

600 g de cogumelos frescos (usei uma mistura de marrom, brancos, shimeji e ostra)
1 fio de azeite extra CASA ANADIA Private Collection
4 dentes de alho
400 ml de creme culinário de soja, light, Shoyce
Sal 
1 pitada de pimenta branca Margão
1 haste de tomilho fresco, biológico, Aroma Alentejo (adquirir por aqui)


Comece por lavar, muito bem, as batatas doces, deixando-as ficar com a casca. Embrulhe as batatas, uma a uma, em papel de cozinha e passe-as pela torneira, molhando o papel. Transfira as batatas, com o papel molhado, para um recipiente que possa ir ao microondas e marque 10 minutos. O tempo de cozedura das batatas irá variar consoante o tamanho da batatas doce e a potencia do microondas, mas saberá que estão prontas quando as apertar e estiverem moles.
Descasque a batata doce e esmague bem a sua polpa. Junte-lhe todos os ingredientes e amasse (se a massa estiver muito pegajosa, junte mais polvilho ou farinha de milho).
Polvilhe uma superfície com farinha e divida a massa em rolinhos compridos com, cerca de, 1cm de diâmetro. Corte pequenos pedaços com cerca de 2,5cm e com a ajuda de um garfo, previamente passado por farinha, marque cada um dos gnocchi.
Aqueça água, temperada de sal, e, quando ferver, junte-lhe 15 de cada vez. Retire-os passado 1 minutos e coloque-os num prato.
Numa caçarola, aqueça o azeite e junte-lhe os dentes de alho, deixando-o libertar o seu aroma. Acrescente os cogumelos, laminados grosseiramente, e tempere com sal, pimenta e tomilho. Saltei-e durante 5 minutos e acrescente os gnocchi e o creme culinário. Cozinhe mais um pouco e sirva quente.







Para acompanhar este prato, recomendo:

Casa Anadia Rosado 2015
Casa Anadia

Denominação: DOC Dão
Região: Dão
Ano: 2015
Castas: Touriga Nacional, Alfrocheiro, Jaen

A Casa Anadia pretende lembrar as conexões do Palácio aos anos de produção dos séculos anteriores e resulta em uma esplêndida combinação de variedades de uva que originam um vinho fresco e mineral de cor rosa brilhante. Apresenta deliciosos aromas e sabores de cereja e morango associados a notas florais. Na boca corpo elegante, com uma frescura de alto refinamento. Estágio em tanques de cimento por 3 meses.

Visite o site: http://www.casaanadia.pt



Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste prato.

O meu muito obrigada à Glood, Shoyce, Ovos CACAroma Alentejo, Margão, Vahiné, Marnoto e Casa Anadia pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.