Delícia de Mascarpone com Frutos Secos e Vermelhos
















200ml de natas
150g de queijo mascarpone
150g de morangos
150g de cerejas em calda, escorridas
1 colher de sopa de licor de cereja (usei da marca Sabores da Ponte)
100g de açúcar
1 colher de chá de sumo de limão
1 colher de chá de mel
4g de gelatina em pó (usei da marca Vahiné)
80g de aveia
10 nozes, em pedacinhos
30g de corintos
120g (2 saquetas) de maçã desidratada (usei a vermelho doce da marca Fruut)
Morangos para decorar q.b.


Lave os morangos e reduza, 100g destes, a puré juntamente com 80g das cerejas escorridas, o licor e o açúcar. Corte os restantes morangos em pedaços e reserve.
Leve as natas ao congelador 20 minutos antes de as usar e bata-as, com o limão, em chantilly firme. Bata o queijo mascarpone e junte-lhe, delicadamente, as natas e o puré de morangos. 
Entretanto, junte a gelatina a duas colheres de sopa de água fria e aguarde 3 minutos. Leve a gelatina a banho-maria para dissolver-se completamente e, quando isto acontecer, junte-a ao preparado de mascarpone, envolvendo muito bem. Reserve no frigorífico.
Entretanto, junte a aveia com as nozes, corintos e a maçã desidratada em pedacinhos (reserve alguns pedaços inteiros para decorar). Adicione o mel, misture bem e aguarde 5 minutos.
Em taças individuais ou copos, comece por fazer uma pequena camada com a mistura de frutos secos. Acrescente um pouco de morangosem pedaços e verta, sobre estes, um pouco do creme de mascarpone até atingir o meio do recipiente. Em seguida, adicione uma a duas cerejas e preencha com mais creme até 4/5 de capacidade.
Por fim, adicione mais alguns morangos e mais um pouco dos frutos secos. 
Decore com maçã desidratada e morangos inteiros.


Para acompanhar esta sobremesa, recomendo:




Late Bottled Vintage (LBV) 2003 - Quinta do Estanho

Vinho do Porto de excepcional qualidade, de uma só colheita oriunda de uvas tintas das castas Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Barroca, Tinta Roriz, entre outras.
Verificado com especial rigor, envelhece em tonéis de madeira até ao 4º ou 6º ano e depois em garrafa.

Notas de Prova: Vinho retinto na cor, frutado e encorpado no paladar. 










Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação desta sobremsesa.

O meu muito obrigada à Vahiné, Pomar (Fruut), Sabores da Ponte e Quinta do Estanhopela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.