Pudim de Laranja com Palitos de Champanhe



















500 ml de leite (usei o leite-meio gordo Terra Nostra)
1 casca inteira de laranja
200 g de palitos de champanhe (usei os boudoirs da Du Bois de la Roche)
4 ovos
150g de açúcar
Caramelo líquido q.b.




Forre o fundo e laterais de uma forma de pudim, pequena, com o caramelo líquido.
Comece por ferver o leite com a casca de laranja durante 3 minutos. Coe e reserve.
À parte, parta os palitos de champanhe e coloque-os no processador de alimentos, pulsando até obter uma espécie de farinha. Transfira para um recipiente e junte o leite, envolvendo muito bem com uma colher. Adicione o açúcar, de seguida, os ovos e mexa muito bem.
Verta o preparado na forma caramelizada e leve a cozer em banho-maria, cerca de 45 minutos, em forno aquecido a 160ºC.
Verifique se o pudim está cozido antes de retirar do forno (faça o teste do palito) e desenforme com cuidado. Leve ao frigorífico 4-5 horas antes de servir.




Para acompanhar esta sobremesa, recomendo:


Porto Tawny
Ramos Pinto


O Tawny é um blend de 3 a 5 anos obtido por lotação de vinhos com um grau de maturação variável, conduzido através de envelhecimento em cascos e tonéis. Envelhecido em pipas, apresenta-se sempre mais evoluido do que o Ruby.

Notas de Prova:
Cor vermelha tawny, com menisco cor de topázio.
No aroma, a primeira impressão é de leveza, evoluindo para uma grande suavidade adquirida pelo estágio em madeira.
A sensação na boca é leve, quente e de grande macieza, resultado do seu envelhecimento.

Este “adolescente” é um Porto maduro e frutado com um carácter complexo e delicado. No final, o equilíbrio é perfeito, conferindo-lhe uma saborosa delicadeza.




Aqui estão os produtos fantásticos que utilizei para preparar esta sobremesa.

O meu muito obrigada à Terra Nostra, Du Bois de la Roche e Ramos Pinto pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.