Omelete com Queijo Fresco, Painho e Tomate Cereja


















6 ovos
1 queijo fresco grande da Lacticínios do Paiva
1 cebola pequena
15 tomates cereja
120 g de painho da marca Sicarze  disponível no Intermarché e Comércio Tradicional
200 ml de natas
10 folhas manjericão, frescas e grosseiramente picadas
3 c. sopa de azeite (usei o azeite virgem extra - colheita especial - da Quinta da Lixa)
1 pitada de pimenta branca da Margão
Sal q.b. (usei a flor de sal Marnoto)


Comece por bater os ovos com as natas e o sal. 
Corte os tomates cereja em metades, corte o queijo em pedaços, pique o painho grosseiramente e pique também as folhas de manjericão e a cebola. Reserve-os separadamente.
Aqueça o azeite e junte-lhe a cebola bem picada, deixe-a amolecer e acrescente o painho. Deixe refogar um pouco, adicione o tomate cereja em metades e baixe o lume. Saltei por 1 minuto e junte o queijo fresco e as folhas de manjericão. Acrescente os ovos batidos, mexa um pouco e baixe a temperatura para o mínimo. Tape a frigideira e deixe cozinhar até que a omelete se encontre pronta.
Desenforme com o auxilio de uma espátula e sirva morna ou fria.




Para acompanhar este prato, recomendo:


Quinta da Lixa Branco 
O tal Vinho da Lixa

Castas: Loureiro, Alvarinho e Trajadura
Região: Vinhos Verdes

O Quinta da Lixa é produzido com algumas das mais nobres castas da região dos vinhos verdes, produzidos e vinificados na região que lhes dá o nome.
Aspecto brilhante e cor citrina. No aroma apresenta um carácter frutado com algumas nuances a frutos tropicais e um caracter floral.
Na boca confirma toda a expectativa criada pela intensidade do aroma, muito equilibrado, este vinho apresenta-se seco com complexidade e persistência.








Aqui estão os produtos fantásticos que usei na preparação deste prato.

O meu muito obrigada à Sicarze, Lacticínios do Paiva, Margão, Marnoto e Quinta da Lixa pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.