Tarte de Noz Húmida com Cobertura de Doce de Ovos















Massa:
8 ovos
180g de açúcar
1 colher de chá de fermento em pó
160g de miolo de noz moído
Metades de noz q.b.

Doce de ovos:
200g de açúcar
200ml de água
8 gemas
1 pedaço de casca de limão



Pré-aqueça o forno a 190ºC.
Unte com margarina e forre com papel vegetal, uma forma de aro amovível com 25cm de diâmetro. 
Bata as claras em castelo firme. Reserve. 
Com a batedeira, bata bem as gemas com o açúcar até obter um preparado fofo e esbranquiçado. Nessa altura, junte o fermento em pó e o miolo de noz moído. Por fim, envolva as claras em castelo. Misture bem com uma vara de arames.
Verta a massa na forma, alise a superfície e leve a cozer durante, cerca de, 30-40 minutos.
Cubra com o doce de ovos e decore com metades de noz. 

Leve ao lume a água com o açúcar e a casca de limão, mexa até que o açúcar se dissolva e deixe fazer uma calda. Após isto, deixe arrefecer um pouco. À parte bata as gemas com um garfo e adicione-as à calda, a pouco e pouco e envolvendo sempre com uma vara de arames. Leve novamente ao lume, mexendo sempre até engrossar um pouco.



Para acompanhar esta tarte, recomendo:





Moscatel
D.O. Setúbal
Casa Ermelinda Freitas

Notas de Prova:
Vinho de cor dourada, rico e complexo, com aromas a lembrar mel e casca de laranja bem típicas da região. Na boca é cheio e doce revelando boa acidez que lhe confere frescura. Fim de boca persistente e muito prolongado.









Aqui está o produto fantástico que usei na para acompanhar esta tarte.

O meu muito obrigada à Casa Ermelinda Freitas pela simpatia e pelos produtos, de grande qualidade, que me enviaram.